SAIBA COMO FUNCIONA O MÊS SAGRADO DO ISLÃ,O RAMADÃ

Um menino muçulmano xiita do Bahrein lê o Corão, o livro sagrado do Islã, durante o mês do Ramadã, em uma mesquita na aldeia de Sanabis, oeste do país
Um menino muçulmano xiita do Bahrein lê o Corão, o livro sagrado do Islã, durante o mês do Ramadã, em uma mesquita na aldeia de Sanabis, oeste do país (Mohammed Al-Shaik/AFP/VEJA)

SAIBA COMO FUNCIONA O MÊS SAGRADO DO ISLÃ,O RAMADÃ

Muçulmanos ao redor do mundo começaram nesta quinta-feira o mês sagrado do Ramadã. Nesse nono mês do calendário islâmico os muçulmanos jejuam durante o dia, rezam e celebram a revelação do Corão, o livro sagrado, ao profeta Maomé. Saiba como funciona a rotina dos fiéis islâmicos durante o Ramadã, o eles podem e não podem fazer, e outras curiosidades do mês sagrado.
 (Da redação)

·         1. O que é o Ramadã?
<p></p> 
(Samsul Said/Reuters/VEJA)

Ramadã é o nome do nono mês do calendário islâmico, momento em que os muçulmanos clebram a revelação do Corão, o livro sagrado do Islã, ao profeta Maomé. Os muçulmanos passam os dias do mês do Ramadã em jejum e acreditam que a experiência funciona para exercer a paciência, praticar a proximidade com Deus e generosidade com os outros.

·         2. Quando acontece?
 <p></p>
(Kim Kyung-Hoon/Reuters/VEJA)

O início do Ramadã depende do início do ciclo da lua crescente no calendário islâmico. Neste ano, o ciclo começou na noite de quarta-feira, 17 de junho, o que significa que os muçulmanos começaram seu primeiro dia de jejum ao nascer do sol desta quinta-feira, 18 de junho. O mês de jejum dura 29 ou 30 dias, dependendo do ciclo da lua.
     
·         3. Por que os muçulmanos jejuam?
 <p></p>
(Danish Ismail/Reuters/VEJA)

Durante o mês do Ramadã, os mulçumanos devem passar o dia sem beber (exceto água) ou comer nada. O jejum faz parte de um dos cinco pilares da religião islâmica. Os outros atos de adoração são a shahadah, que é a declaração de fé; salat, as cinco orações diárias; zakat, ou esmola; e o hajj, a peregrinação a Meca.

O jejum, para os muçulmanos, significa literalmente "abster-se" - e não se trata apenas de abster-se de comida, bebida e sexo, mas também de ações como fumar cigarros e fazer fofocas. Os muçulmanos são encorajados a manter o jejum no Ramadã e continuar com suas rotinas diárias de trabalho e atividades habituais. Eles acreditam que o jejum não é apenas um ritual físico, mas, sobretudo um momento de reflexão e de recarga espiritual.

·         4. Quem jejua?
 <p></p>
(Mohammed Al-Shaik/AFP/VEJA)

Os homens e mulheres muçulmanos saudáveis são obrigados a jejuar durante o mês de acordo com os ensinamentos islâmicos. Crianças, pessoas que estão doentes ou que têm doenças mentais, idosos, viajantes e mulheres que estão menstruadas, no pós-natal, grávidas ou que estão amamentando não precisam jejuar. Pessoas que ficam isentas do jejum por alguns dias podem compensar os dias sem jejuar mais tarde. Mas, se uma pessoa não é capaz de jejuar durante o mês inteiro, por razões de saúde, pode compensar o jejum alimentando pessoas necessitadas.

·         5. A prática é saudável?
<p></p> 
(Andrew Biraj/Reuters/VEJA)

Os muçulmanos não jejuam continuamente durante todo o mês: eles comem antes do sol nascer e quebram o jejum ao pôr do sol. Os cientistas descobriram que curtos períodos de jejum - se devidamente controlados - podem ter uma série de benefícios para a saúde, bem como, potencialmente, ajudar as pessoas com excesso de peso. Mas, durante o jejum é preciso manter-se hidratado e ingerir a proporção certa de carboidratos, gorduras e proteínas no momento da quebra do jejum.

·         6. Por que os muçulmanos iniciam o Ramadã em dias diferentes?
 <p></p>
(Amr Abdallah Dalsh/Reuters/VEJA)

A divergência nas datas de início e fim do Ramadã em diferentes países é causada pela variação na observação dos ciclos lunares. Em lugares onde não é possível ver a lua crescente, alguns fiéis realizam o jejum de acordo com o lugar mais próximo onde a lua foi vista, enquanto outros confiam nos cálculos de astrônomos. Como a comunidade islâmica ao redor do mundo não possui uma liderança unificada, não existem instruções exatas sobre a forma certa de agir.

·         7. Como os muçulmanos jejuam em lugares em que não há pôr do sol?
 <p></p>
(James Goldsworthy/Thinkstock)

Na região do Ártico e nas áreas mais ao norte da Finlândia o sol permanece visível durante 60 dias no verão. Para os muçulmanos que vivem nesses lugares, a orientação dos estudiosos islâmicos é seguir os horários de nascer e pôr do sol de outros países como base para o período de jejum.

·         8. O que acontece ao final do Ramadã?
 <p></p>
(Kevin Frayer/Getty Images)

Ao fim do Ramadã, os muçulmanos celebram o Eid al-Fitr, o festival da quebra do jejum. De acordo com a tradição, os anjos chamam essa data de dia da entrega dos prêmios, porque todos aqueles que cumpriram o jejum serão recompensados por Deus. É comum ouvir os muçulmanos felicitando uns aos outros com “Eid Mubārak” (Feliz Eid). Esse é sempre o primeiro dia do novo mês islâmico Shawwal e é proibido jejuar.

É costume celebrar o Eid com um pequeno café da manhã doce e com doações para a caridade. Muitos muçulmanos também celebram trocando presentes, usando roupas novas e visitando amigos e famílias.

·         9. Outras religiões também jejuam?
<p></p> 
(Marko Djurica/Reuters/VEJA)

Os judeus jejuam por aproximadamente 25 horas durante o Yom Kippur, ou Dia do Perdão, para pedir a remissão de Deus. Cristãos ortodoxos também podem passar metade do ano em várias formas de jejum, que segundo acreditam, os deixarão mais próximos de Deus.

Fonte:http://veja.abril.com.br/mundo/saiba-como-funciona-o-mes-sagrado-do-isla-o-ramada/#


Postagens mais visitadas deste blog

APRENDA COMO FAZER CONTATO COM SEU ANJO E GUIAS ESPIRITUAIS - TEXTOS DE VÁRIOS AUTORES

PARA ONDE VAMOS QUANDO MORREMOS,SEGUNDO A DOUTRINA ESPÍRITA ?

O GATO NA MITOLOGIA SAGRADA EGÍPCIA